Trabalhar com criatividade nem sempre é fácil: às vezes ela parece desaparecer, gerando um bloqueio criativo que aparenta ser impossível de superar.

Mas não se apavore: há solução! Tire um tempo para ler sobre 4 das grandes personalidades criativas e aumente sua inspiração! 

1. Walt Disney

Responsável pela criação de personagens atemporais, Disney tentou emplacar vários projetos sem sucesso, mas perseverou até construir o império que leva seu nome. Trabalhador incansável, Walt definiu uma estratégia para seu processo de criação dividida em três figuras: o sonhador, o realista e o crítico.

A figura do sonhador corresponde ao momento de criação pura, sem preocupações com limitações físicas ou orçamentárias. Já o realista aponta as dificuldades que o projeto terá de enfrentar. Por fim, a persona do crítico indicava falhas e pontos a serem melhorados.

Walt Disney gostava de trabalhar com todos seus animadores em um mesmo ambiente, em todos podiam participar das três maneiras, criando um processo de produção incrivelmente eficiente, que criou ícones como Mickey Mouse e Bambi.

2. Dao Nguyen

Em muitos casos, a criatividade está em saber observar o mundo à sua volta. Foi o que aconteceu com Dao Nguyen, atualmente editora do BuzzFeed. Nguyen foi promovida ao cargo após aumentar o tráfego anual do portal em cinco vezes dentro de um período de dois anos.

Sua estratégia foi muito simples: com um senso de observação aguçado, ela percebeu que os compartilhamentos de notícias por e-mail superavam todas as redes sociais, com exceção do Facebook.

Com essa informação, Dao fez mudanças na ferramenta de compartilhamento, tornando-a simples e intuitiva, abrindo caminho para o BuzzFeed se tornar o gigante de conteúdo que é hoje.

3. Leonardo da Vinci

O mais famoso dos mestres renascentistas era um verdadeiro gênio. Além da pintura, ele se aventurava com sucesso na arquitetura, engenharia, anatomia, escultura e música, entre muitos outros campos.

Alguns de seus projetos são considerados precursores de áreas de pesquisa que só foram se desenvolver muito depois, como a aviação e a balística.

Da Vinci é um exemplo clássico do pensador do Renascimento, com uma curiosidade insaciável, um pensamento crítico e desafiador, grande habilidade de concentração e sem medo de errar, características que fazem dele fonte de inspiração para profissionais de todas as áreas, mesmo 500 anos depois de sua morte.

 

4. Jerome Jarre

O surgimento de novas formas de linguagem — como os microblogs e sua evolução natural, os micro-conteúdos — abre um novo mundo de possibilidades, e cabe aos criativos aproveitar os inaugurados caminhos de comunicação.

Foi dessa maneira que a estrela da internet Jerome Jarre atingiu sucesso e conquistou contratos publicitários com grandes empresas. Aproveitando-se de seu carisma, Jerome passou a postar vídeos curtos no Vine e Snapchat, chamando atenção do público e construindo uma base de seguidores que passa dos oito milhões de pessoas.

 

Neste texto, vimos alguns dos exemplos de personalidades criativas, assim como os processos usados por elas para alcançar resultados incríveis. Inspire-se nessas histórias únicas e melhore sua criatividade hoje mesmo!

E então? Curtiu nosso post de hoje? Deixe um comentário (criativo!) e conte para a gente em quais personalidades criativas você se inspira!