Criado por George Lucas, o universo Star Wars tem encantado gerações há décadas. O início de tudo foi em 1977, com o lançamento do filme do primeiro filme da saga, que se tornou um grande sucesso e estabeleceu Star Wars como um fenômeno e referência da cultura pop.

Atualmente, a saga principal conta com oito filmes, distribuídos em três trilogias. Além disso, Star Wars conta com uma série de spin-offs, animações, livros e games que expandem ainda mais o universo da franquia.

Veja neste artigo um resumo da saga Star Wars e saiba como os filmes podem ajudar a estimular a sua criatividade!

Cronologia da saga Star Wars

A cronologia de Star Wars pode aparentar ser um tanto confusa para quem não está familiarizada com a série. Mas, calma, jovem Padawan! Para facilitar a sua vida, listaremos os filmes em ordem cronológica de acordo com a numeração dos episódios. Confira!

Episódio I: A Ameaça Fantasma

Embora seja o primeiro filme na ordem cronológica da série, A Ameaça Fantasma (1999) foi o quarto da saga lançado nos cinemas. Esse foi o início da segunda trilogia de Star Wars, uma série de prequelas dos três filmes clássicos originais, lançados entre 1977 e 1983.

Na trama, o cavaleiro Jedi Qui-Gon Jinn e o Padawan Obi-Wan Kenobi conhecem o jovem Anakin Skywalker, uma criança com uma intensa ligação com a Força que, posteriormente, se tornaria um dos vilões mais icônicos do cinema: o poderoso Darth Vader.

Episódio II: Ataque dos Clones

Em Ataque dos Clones (2002), vemos Anakin Skywalker mais crescido, como um aprendiz Padawan, ainda em treinamento sob a tutela de Obi-Wan Kenobi para se tornar um Jedi.

Episódio III: A Vingança dos Sith

Esse é o filme mais sombrio de toda a franquia. A Vingança dos Sith (2005) apresenta a transição de Anakin Skywalker para o lado negro da Força, tornando-se Darth Vader, além da aniquilação de vários cavaleiros Jedi.

Episódio IV: Uma Nova Esperança

É o filme que deu origem a tudo. O longa originalmente foi lançado com o nome Star Wars (1977) e só posteriormente foi renomeado como Episódio IV: Uma Nova Esperança, em 1981, após o lançamento da sequência.

Uma Nova Esperança inicia a saga do jovem fazendeiro Luke Skywalker, que junto com o misterioso Jedi Obi-Wan Kenobi e o pirata espacial Han Solo acabam envolvidos na batalha entre o Império Galático, do impiedoso Darth Vader e a Aliança Rebelde, liderada pela Princesa Leia.

Episódio V: O Império Contra-Ataca

Na sequência, após a destruição da Estrela da Morte no filme anterior, o Império Galático segue em perseguição à Aliança Rebelde pelo espaço. Enquanto isso, Luke conhece Yoda e começa a receber o seu treinamento Jedi.

No final de O Império Contra-Ataca (1980) acontece um dos maiores plot twists da história do cinema: é revelado que Darth Vader é Anakin Skywalker, pai de Luke.

Episódio VI: O Retorno de Jedi

Em O Retorno de Jedi (1983) ocorre a batalha derradeira entre o Império e a Aliança Rebelde. Luke confronta o Imperador, Darth Sidious, que por fim é derrotado por Darth Vader, que retorna para o lado da luz da Força.

Nova trilogia

Em 2015, foi lançado Episódio VII: O Despertar da Força, o primeiro de uma nova trilogia de filmes protagonizados pelos personagens Rey, Finn e Poe Dameron. A nova saga ocorre vários anos após a derrocada do Império Galático e apresenta a Primeira Ordem, uma nova força maligna que controla a galáxia.

A sequência Episódio VIII: Os Últimos Jedi foi lançada em 2017 e o nono capítulo da saga Star Wars deve chegar aos cinemas em 2019.

Star Wars e criatividade

A saga Star Wars é fruto da imaginação fértil de George Lucas, que conseguiu encantar uma legião de fãs do mundo todo, criando uma fantasia espacial ambientada em um mundo com elementos de ficção científica.

É perceptível ao longo dos filmes o esforço para tornar um universo imaginário crível. Em relação à narrativa, a saga conta diversas lendas e mistérios, como exemplificado pela religião Jedi que, inclusive, conta com adeptos no mundo real.

Além disso, cada novo planeta apresentado reúne características e criaturas únicas no que tange ao visual, seja no estilo clássico, de fantasias e maquiagens, seja nas produções mais recentes com personagens criados em CGI. Todos têm uma identidade que servem para fazer com que o espectador se sinta imerso em um universo real.

Os efeitos visuais de Star Wars também são um espetáculo à parte. Os duelos de sabre de luz são sempre ótimos de se assistir pelo aspecto visual que chama muita atenção. Frequentemente, as cores dos sabres são utilizadas para personificar o bem (azul) e o mal (vermelho). Além disso, há as naves espaciais que se distinguem por meio de seus diversos formatos e tamanhos e que nos fazem sentir estar diante de verdadeiras batalhas espaciais.

A franquia criada por George Lucas é bastante rica em estilo e conteúdo, mas ainda possibilita o acréscimo de novas ideias para a saga. Novos cineastas envolvidos nos filmes mais recentes, como Rian Johnson, diretor de Os Últimos Jedi, podem explorar muitas possibilidades, baseando-se no que já foi feito ou fazendo coisas novas, com liberdade criativa.

No filme mais recente, Johnson desconstruiu diversos arquétipos, como o da heroína, que não tem o intuito de eliminar o vilão, mas, sim, salvá-lo; do vilão que não é inteiramente mal e segue hesitante; e do mestre, antigo protagonista da saga, que recusa o chamado à aventura.

Com a riqueza de elementos e personagens em Star Wars fica fácil criar merchandising. George Lucas que o diga! O criador da saga, valendo-se da popularidade da franquia lançou diversos produtos no mercado, como livros e brinquedos.

Baseando-se na série, você pode criar diversas estampas e camisetas, inspirando-se em personagens queridos por fãs, em falas clássicas, naves espaciais e muitos mais. Star Wars pode estimular a sua criatividade de várias formas.

Gostou deste artigo? Assine a nossa newsletter e receba por e-mail muito mais conteúdos iguais a este. E que a Força esteja com você!