Trabalhar com programas de edição de imagem é parte do cotidiano de todos os profissionais de design. Com eles, ideias e rascunhos são transformados em verdadeiras obras de arte.

Existe uma grande diversidade de programas para edição de imagens, alguns pagos e outros gratuitos. Para saber quais se encaixam às suas necessidades, é preciso experimentá-los e tirar o máximo de proveito do que eles oferecem.

Se você é uma pessoa que tem a cabeça aberta para novas atividades, busca aumentar a sua produtividade e trazer inovação aos seus produtos e serviços, essa postagem é para você. Continue a leitura e conheça 4 programas de edição de imagem para explorar a criatividade!

1. Photoshop

Um dos mais consagrados editores de imagem do mercado, o Adobe Photoshop é uma ferramenta completa, oferecendo desde edição de imagens até criação de vídeos e animações.

Dentre os pontos que merecem destaque estão a possibilidade de criação e renderização de objetos 3D, aplicação de texturas, praticidade e a qualidade com que tudo isso pode ser feito.

Com o Photoshop, você poderá criar embalagens, folders, banners, outdoors e, até mesmo, layouts para sites de maneira bastante simplificada.

2. GIMP

O GIMP é bastante conhecido pelos usuários de Linux e traz, de forma gratuita, quase todas as mesmas funcionalidades do aclamado Photoshop. Contudo, sua interface não é tão simples assim, o que exige um pouco mais de experiência, sendo recomendado para usuários intermediários.

A maior vantagem do GIMP em relação ao Photoshop é que ele pode ser executado em máquinas mais modestas e em qualquer sistema operacional, sem perder seu poder de processamento, além de ter um arquivo de instalação mais leve, ocupando menos espaço em sua máquina.

3. CorelDraw

Diferentemente do Photoshop, que é mais voltado para o tratamento de fotografias, o CorelDraw é um programa para a criação e estilização de vetores. Com uma interface altamente simplificada, seus recursos podem ser utilizados até por pessoas sem experiência.

Esse programa é ideal para a criação de logotipos, estampas de camiseta, materiais impressos e artes de grande formato, como fachadas e outdoors.

4. Illustrator

O Adobe Illustrator pertence à mesma suíte de programas para edição de imagens que o Photoshop, sendo o concorrente direto do CorelDraw, pois também tem foco na criação e edição de vetores.

As diferenças entre ele e o CorelDraw são motivos de discussões acaloradas na internet, porém, elas são mínimas e a escolha entre qual dos dois utilizar fica ao “gosto do freguês”. A única desvantagem dele para o CorelDraw é que ele não abre arquivos .CDR (feitos no Corel), já que o CorelDraw abre arquivos .AI (feitos no Illustrator).

Independentemente de sua opção, é fundamental que o programa proporcione uma usabilidade simplificada e gere resultados altamente satisfatórios. Um bom exemplo de praticidade e eficiência é o sistema de criação da Usina de Marcas. Nele, é possível realizar a aplicação de uma arte já na camiseta por meio de um modelo digital, possibilitando que o cliente já veja o resultado final de seu produto.

Agora que você conhece mais algumas opções de programas de edição de imagem, aproveite sua visita ao nosso blog e veja este artigo sobre o brainstorming e como ele pode acabar com o bloqueio criativo!